segunda-feira, abril 18, 2005

Tão curto e tão rápido

Lá se passou mais um curtíssimo fim-de-semana, quando mais se gosta deles mais depressa eles passam.

Sábado tive aquele orgulho todo de poder conhecer pessoalmente a felicidade da Marcia, encontrei uma mulher doce, de olhar meigo e cheia de amor para dar, do lado um marido tão compreensivo quanto ela… um casal que curte a olhos vistos o seu novo estado de gravidez. Uma honra poder partilhar do mesmo espaço que eles, o quanto se aprende com o amor. Amiga, adorei conhecer-te!

No domingo, e já de regresso a casa, dediquei-me a lavar o aquário do meu dinossauro. Está cada vez maior, nem sei como ainda consegue crescer mais, sempre pensei que cágados tinham tamanho limite… Quando tiver uma casa com quintal ou jardim ela terá o seu espaço ao sol, para já terá de se manter no aquário.

Estou novamente possuída pela doença Dan Brown, o marido comprou o livro “Anjos de Demónios” que repousa na mesa-de-cabeceira desde o dia do pai, lê um ou dois capítulos por noite… a mim este ritmo de leitura tira-me do sério. Quando se gosta do livro lê-se, se não se gosta mastiga-se umas páginas e encosta-se, fui ter a certeza e peguei no livro. Faltam-me 50 páginas para terminar, tal como o “Código Da Vinci” este come-se que é uma maravilha, fiquei sem entender como alguém demora 1 mês a chegar a meio se eu num fim-de-semana o despachei.

2 comentários:

Márcia Lopes disse...

Amiga,
eu também adorei conhecer-te !!!!

Mil beijos

Márcia

Márcia Lopes disse...

Amiga,
eu também adorei conhecer-te !!!!

Mil beijos

Márcia